As 7 milhões de empregadas domésticas no Brasil, segundo levantamento mais recente do sindicato da categoria (Sindoméstica), têm muito o que comemorar no seu Dia Internacional (27 de abril). A data, apesar de pouco divulgada no país, reforça o potencial e a importância dessas trabalhadoras na geração de empregos, na economia e no próprio comportamento da nova e ascendente família brasileira.

Considerada até pouco tempo como uma atividade secundária, com baixa remuneração e sem os direitos trabalhistas formalizados, as empregadas domésticas ganham cada vez mais espaço na sociedade. Prova dessa mudança pode ser acompanhada inclusive na televisão. Sempre como personagens coadjuvantes, as empregadas domésticas serão, pela primeira vez, protagonistas na nova novela da Rede Globo, Cheias de charme, que estreou no dia 16.

Anúncios